Portal Nosso Meio

Lista de transmissão

Saiba quais são as Marcas Brasileiras Mais Valiosas em 2020

Redação

Levantamento Marcas Brasileiras Mais Valiosas deste ano traz nomes que não constavam em edições anteriores; “escuta ativa” é apontado como diferencial em momento marcado pela pandemia

 

Em um ano que já se definiu como histórico desde o início da pandemia, marcas que acabaram se valorizando ganharam uma relevância especial junto a seus públicos. Tendo isso como contexto, a Interbrand anunciou o resultado do ranking Marcas Brasileiras Mais Valiosas 2020 em evento totalmente online.

 

Os cinco primeiros lugares do ranking são ocupados por Itaú, Bradesco, Skol, Brahma e Natura, respectivamente. O resultado mostra o predomínio de marcas do setor financeiro e de cervejas entre as mais valiosas considerando a série histórica. A Natura entra no top 5 pela primeira vez, com crescimento de 16% em seu valor de marca em relação a 2019.

 

Três marcas figuram no ranking pela primeira vez: XP Inc, Drogasil e Pagseguro. Outras dezoito apresentaram variação positiva em seu valor em comparação com 2019, entre elas merecem destaque Magalu, com 62%, sendo o salto mais expressivo do ranking, seguido por Natura, com 16%, Itaú, com 11%, e Lojas Americana, com 10%.

 

O portfólio das 25 marcas totalizou R$ 135 bilhões, um crescimento de 4% se comparado com o verificado na edição do ano passado. O top 5 representa 77% deste valor, uma concentração que demostra um caminho a ser percorrido pelas marcas brasileiras para transformarem sua força de marca em resultado financeiro.

 

Segundo Beto Almeida, CEO da Interbrand no Brasil, a análise do ranking de 2020 revela que as trajetórias de maior sucesso deste ano são das marcas que souberam escutar, dialogar e agir de forma decisiva. “Marcas que souberam lidar com a ansiedade e a dualidade de sentimentos provocados pela constatação de não termos o controle absoluto de tudo o que está por vir, porém se mostraram bem mais preparadas para o inevitável, foram aquelas que conseguiram os melhores resultados”, explica Almeida, reforçando que as marcas que mais crescem estão fazendo o que ele chama de “movimentos icônicos”, investindo em grandes apostas que transformam a maneira como interagem com seus públicos.

 

Ainda segundo ele, a análise do ranking revela não apenas o sucesso das empresas que tiveram a habilidade de proporcionar experiências relevantes, com propósitos inspiradores para seus consumidores, mas também lições valiosas para o que virá em 2021. “Este levantamento ajuda a prepararmos nossas marcas para liderarem os desafios que teremos no futuro, onde o cenário competitivo vai muito além do seu segmento de atuação com um consumidor cada dia mais exigente e bem informado”, ressalta.

 

Metodologia com novo critério: Força de Marca

Determinado a partir de uma metodologia exclusiva e certificada de Brand Valuation, desenvolvida em 1988 em parceria com a London School of Economics, o ranking das Marcas Brasileiras Mais Valiosas existe desde 2001, sendo resultado de estudos que analisam e inter-relacionam performance financeira, percepção e influência das marcas junto aos consumidores. Em parceria com a Provokers, foi realizada uma pesquisa em todo o Brasil, que reuniu mais de mil entrevistados que avaliaram cerca de cem marcas, resultando em um amplo panorama do cenário atual e impressões positivas e negativas de diferentes marcas em diversos segmentos.

Na edição de 2020, um novo critério foi considerado, o Índice de Força de Marca superior a 50%, que consolida em um único indicador a capacidade da marca em impulsionar os resultados dos negócios, além de mostrar um roteiro acionável para seu crescimento. A Força de Marca contempla o que é preciso para construir Liderança, Engajamento e Relevância, por meio da análise de dez fatores que expressam a capacidade da marca de gerar resultados de negócios além de direcionar ações práticas para o seu crescimento.

Os requisitos para uma marca estar na lista das mais valiosas do Brasil são: ter origem nacional e divulgar suas informações financeiras.

 

 

 

 

 

*Texto Divulgação – imagem Propmark

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp