Portal Nosso Meio

SG 360 Internas

Índice de Transparência da Moda Brasil destaca ações da Grendene

Redação

Iniciativa do Fashion Revolution Brasil avaliou como 40 grandes marcas e varejistas divulgam políticas, práticas e impactos sociais

 

Mesmo diante de desafios impostos pela Covid-19 ao longo dos últimos meses, a Grendene, maior exportadora de calçados do Brasil e uma das maiores produtoras mundiais, avançou em sua jornada de sustentabilidade e, como um dos resultados, suas marcas Melissa e Ipanema são destaque no Índice de Transparência da Moda Brasil, divulgado nesta sexta-feira, 27, pelo Fashion Revolution Brasil. O Índice revelou em que nível 40 grandes marcas e varejistas do mercado brasileiro divulgam dados sobre suas políticas, práticas e impactos sociais ambientais.

 

Índice de Transparência da Moda Brasil avaliou informações de Melissa e Ipanema, duas marcas da Grendene. A avaliação levou em consideração quesitos como condições de trabalho, igualdade racial e de gênero, emissões de GEE (gases do efeito estufa) descarte de resíduos, reciclagem e circularidade, entre outros. Na pontuação geral, Melissa obteve 39% e Ipanema 38%, acima da média (21%) das 40 empresas participantes na edição deste ano.

 

Neste ano, rastreabilidade foi um dos quesitos de maior destaque na avaliação da Grendene, com pontuação de 61% para Melissa e Ipanema. A média das 40 empresas avaliadas nesta área foi de 25%. Nesta temática, o Fashion Revolution Brasil avaliou informações relacionadas ao tipo de matéria-prima utilizada. “A escolha do tipo de matéria-prima com menor impacto ambiental e a forma como pensamos em levar essa mensagem aos consumidores é um dos principais pontos da nossa jornada pela sustentabilidade na companhia”, explica Carlos André Carvalho, gerente de Desenvolvimento Sustentável da Grendene.

 

Recentemente a Grendene relançou o modelo Melissa Flox Limited Edition, sandálias produzidas com PVC 100% reciclado, fabricado a partir de outras sandálias Melissa descartadas pelos consumidores nos coletores instalados em mais de 320 Clubes Melissa pelo Brasil. Nesta mesma ação, Melissa e Rider, outra marca da Grendene, se uniram para ampliar a coleta e também receber sandálias Rider sem condições de uso, reuso (doação) ou troca para reciclagem.

 

A marca Rider também lançou recentemente seu programa de inovação sustentável e colocou no mercado a coleção Rider R4, quatro modelos de calçados veganos produzidos com até 82% de material reciclado a partir de resíduos da própria fábrica e de garrafas PET, além de matéria-prima de origem renovável, como o plástico feito a partir da cana-de-açúcar. Hoje, todos os calçados da Grendene já são veganos, feitos com PVC 100% reciclável e contam com até 30% de material reciclado.

 

“Iniciamos uma jornada pela sustentabilidade há quase uma década e definimos uma série de metas que vão de melhorias na nossa linha de produção, investimento em novas tecnologias ao desenvolvimento de produtos com menor impacto. Nesta jornada, priorizamos transparência no relacionamento com os nossos funcionários, investidores e consumidores e o bom desempenho em iniciativas como essa, do Fashion Revolution Brasil, mostra que estamos no caminho certo”, diz Alceu Albuquerque, diretor de Relações com Investidores da Grendene.

 

Os avanços em questões sociais e ambientais e nas demais áreas avaliadas na empresa pelo Índice de Transparência da Moda Brasil constam no Relatório de Sustentabilidade da Grendene. O foco da atuação da empresa está dividido em três pilares, sendo eles Valorização e Respeito às Pessoas, Operações Ecoeficientes e Produtos de Menor Impacto. O relatório destaca as melhores práticas a fim de informar e ao mesmo tempo engajar consumidores e indústria da moda em ações mais sustentáveis.

 

As iniciativas já resultaram em reconhecimentos como Prêmio Expressão de Ecologia, da Editora Expressão; Prêmio Inovação em Design no Varejo em Visual Merchandising, concedido pelo Retail Design Institute (RDI) e Associação Brasileira da Indústria de Equipamentos e Serviços para o Varejo (ABIESV); e Trofeu Transparência no Prêmio Anefac-Fipecafi-Serasa Experian; entre outros.

 

 

Sobre a Grendene

Fundada em 1971, a Grendene é a maior exportadora de calçados do Brasil e uma das maiores produtoras mundiais. Detentora das marcas Melissa, Grendha, Zaxy, Rider, Cartago, Ipanema, Pega Forte e Grendene Kids possui tecnologia proprietária e exclusiva na produção de calçados para os públicos feminino, masculino e infantil.

 

Com cinco unidades industriais, distribuídas por Ceará, Bahia e Rio Grande do Sul e 11 fábricas, tem capacidade instalada para produzir 250 milhões de pares/ano. Por meio de representantes comerciais, distribuidores, exportações diretas e da subsidiária Grendene USA, Inc. (EUA), seus produtos alcançam 65 mil pontos de venda no Brasil e 60 mil fora do país. A Companhia conta ainda com showroom Melissa em Milão, três “Galeria Melissa” (São Paulo, Nova York e Londres). Em 2019, registrou lucro líquido de R$ 495 milhões.

 

 

*Texto Divulgação

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp