Portal Nosso Meio

Lista de transmissão

Conheça os vencedores do Prêmio Gandhi de Comunicação 2020

Redação

Dentre mais de 130 inscritos, 25 trabalhos conquistaram os primeiros lugares nas nove categorias do Prêmio Gandhi de Comunicação 2020. Por conta do decreto estadual estabelecido devido a pandemia do coronavírus, a solenidade foi transmitida virtualmente, de forma inédita, nesta quarta-feira (16).  

 

Na categoria Impresso, o Diário do Nordeste ocupou os três lugares do pódio com as reportagens: “Mulheres de Quilombo”, autoria de Roberta Kelly de Souza Brito, Helene Cristiane, Germana Cabral, Cristina Pioner, Lorena Cardoso, Gabriela Dourado, Gustavo Marques, Abrahan Lincon e Louse Eugênio  (1º lugar); “Juventude Recrutada”, autoria de Emanoela Campelo de Melo e Diego dos Santos (2º lugar); e “Cartas de Presente”, escrito por Dahiana Araújo, Karine Zaranza, Louise Dutra, Theyse Viana, Renato Bezerra, Thatiany Nascimento e Messias Borges  (3º lugar). 

 

Em Telejornalismo, os dois primeiros lugares foram conquistados pela TV Assembleia com as reportagens “Mineração em Quiterianópolis: o progresso que escorreu pelo rio” e “Desafios para um Envelhecimento Cidadão”, ambas de autoria da jornalista Suely Frota. A reportagem “Despedida”, dos jornalistas Lena Ximenes e Everton Lucas, representando a TV Ceará, conquistou o terceiro lugar.  

 

 

Em Radiojornalismo, a Rádio Verdes Mares adquiriu o primeiro lugar com a reportagem “Cultura e Pandemia”, dos jornalistas Lyana Ribeiro, Daniela de Lavor e Elon Nepomuceno. E a rádio Jovem Pan News obteve o segundo e terceiro lugar com os trabalhos “ABC da infância em Fortaleza” e “Os Milagres da Ciência”, ambos de Carla Soraya, Igor de Lima,Tiago Lima e Débora Brito. 

 

Os jornais O Povo, Diário do Nordeste e O Otimista, respectivamente, ficaram com os três primeiros lugares da categoria Fotojornalismo. As fotografias premiadas foram: “Volta às aulas na pandemia” (Fábio Procópio de Lima); “Mulheres donas de seu tempo” (Fabiane de Paula) e “Cavalaria da PM integra jovens” (Edimar Soares).

 

Conteúdo online

 

Crescendo a cada ano, a categoria conteúdo online obteve 40 inscrições de profissionais de Fortaleza, Brasília, São Paulo, Campinas, Salvador, Florianópolis, Maceió e João Pessoa. Nesta edição o primeiro lugar foi conquistado por Verminosos por Futebol e Sintonia Filmes com o trabalho ‘Aqui é Flamengo’, que contou com a autoria do jornalista Rafael Luis Azevedo e os profissionais de cinema e audiovisual Larissa Cavalcante, Vinicius Augusto Bozzo, Priscille Gomes, Guido Nobre, Mikael Teixeira, David Lima Duarte, Gustavo Brito e Alan Kardec Filho.

 

O segundo e terceiro lugar ficaram com Meus Sertões, portal de Salvador. Os trabalhos premiados foram “Cruzes Estradeiras” (Paulo Oliveira da Silva e Severino Antônio da Silva) e a série de reportagem “Pessoas Que Mudam A Realidade Do Sertão Para Melhor” (Paulo Oliveira da Silva).

 

Comunicação Interna

 

O Hospital Universitário Walter foi o primeiro colocado na categoria Comunicação Interna com o trabalho “As pessoas e a valorização das suas histórias como ferramenta estratégica de comunicação para a construção de uma cultura de paz durante a pandemia de covid-19 no Hospital Universitário Walter Cantídio” (Ludmila Wanbergna Nogueira Félix e equipe). 

 

O Ministério Público do Estado do Ceará conquistou o segundo lugar com o trabalho intitulado como “#TodoCuidadoImporta” (Larissa da Silva Viegas e equipe). Já o terceiro ficou com a Secretaria de Educação do Governo do Estado do Ceará com “Seduc exibe série de publicações com histórias de ex-alunos que ingressaram no ensino superior”, de autoria do Bruno Parente Correia Mota e equipe. 

 

Estudante Mídia Impressa

1º LUGAR: “Caminhos: o futuro da educação cearense” (Antônio Leonardo de Sousa Reis – UFC)

 

Estudante Mídia Eletrônica

1º. LUGAR: “A um livro de distância” (Beatriz Rabelo Cavalcante – UFC)

2º. LUGAR: “A dois metros: histórias não contadas da pandemia” (Natali Lima de Carvalho – UFC)

3º. LUGAR: “A gente vive com Aids, mas não quer morrer de Aids” (Fayer Yago do Vale Lima – Unifor)

 

Trabalho de Conclusão de Curso (TCC)


1º. LUGAR: “Jornalismo de Soluções: uma proposta para notícias em tempos de pandemia” (Maria Aparecida da Silva Souza – UNI7 – Orientadora: Eulália Camurça)

 2º. LUGAR: “Democracia além de fronteiras: a função cívica do jornalista na cobertura internacional e humanitária” (Natália Xavier Coelho – Unifor).

 3º. LUGAR: “Trajetórias múltiplas: narrativas de pacientes  com esclerose múltipla” (Kamyla Cristina Galdino de Freitas – UFC). 

 

Confira a transmissão completa:

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp