Portal Nosso Meio

Lista de transmissão

Campanha da Dove destaca ilusão de imagens editadas em redes sociais

Redação

Vídeo mostra jovem voltando a ser quem era antes de desfigurar seu rosto por um aplicativo

 

A Dove divulgou um vídeo chamado “Reverse Selfie” (ou selfie reversa), que aponta a ilusão trazida pelas imagens editadas que inundam redes sociais como o Instagram. A ideia da campanha é mostrar como aplicativos de edição levam principalmente adolescentes a ter uma baixa autoestima em virtude dos padrões irreais e inalcançáveis.

 

“ Agora que as mídias sociais cresceram para fazer parte do nosso dia a dia, a distorção digital está acontecendo mais do que nunca e as ferramentas antes disponíveis apenas para os profissionais agora podem ser acessadas por meninas com o toque de um botão, sem regulamentação”, diz o executivo de Dove, vice-presidente Alessandro Manfredi. “Meninas em todo o mundo começaram a sentir a pressão para editar e distorcer sua aparência, para criar algo ‘perfeito’ que não pode ser alcançado na vida real”, completa

No filme, desenvolvido pela Ogilvy, vemos o processo reverso de uma jovem editando uma selfie por um aplicativo. Aos poucos, a boneca editada por aplicativo volta a ser um ser humano normal, revelando um criança. com seu rosto real. O vídeo faz parte do projeto Dove Self-Esteem, que também foi responsável por criar o Confidence Kit, um pacote que pode ser baixado online e que traz dicas, conselhos e informações sobre redes sociais e como elas afetam o psicológico principalmente dos jovens.

 

Segundo o projeto, 85% das mulheres começam a usar aplicativos de melhoria de fotos e uso de filtros já aos treze anos de idade. As famosas ferramentas permitem que elas façam alterações em suas peles, peso e até mesmo nas feições do rosto – o que claramente tem um efeito imenso na onda de busca por procedimentos como harmonizações faciais e bichectomia.

 

A mesma pesquisa aponta ainda que 67% das jovens mudam ou ocultam ao menos uma parte de seu corpo antes de postar uma foto nas redes sociais. A Dove tenta, com seu filme, trazer uma reflexão sobre o assunto e principalmente sobre os padrões impossíveis promovidos por essa cultura que permeia as redes sociais.

 

O vídeo é acompanhado de uma série de fotos feitas pela fotógrafa Sophie Harris-Taylor. As imagens mostram o rosto de meninas divididos entre sua versão real e outra totalmente editada por aplicativos.

Além disso, a Dove também criou o Kit de Confiança em Redes Sociais, que incentiva pais e professores a ter uma ‘conversa de selfie’ com os jovens – assunto considerado tão importante quanto conversas sobre puberdade, consentimento e sexo.

A marca ainda incentiva o público a falar sobre o assunto por meio da hashtag #NoDigitalDistortion nas redes socias.

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp