Portal Nosso Meio

Anuncie Aqui – Internas

Após pedido de crianças, LEGO promete abandonar embalagens plásticas

Redação

Empresa define como meta ter apenas materiais sustentáveis em seus processos de armazenamento e substituição total até 2025

 

A marca de brinquedos LEGO anunciou que, após muitos pedidos das crianças que são apaixonadas pelos produtos, a empresa decidiu trocar as sacolas utilizadas para armazenas as pecinhas dentro das caixas de seus produtos. As sacolas plásticas utilizadas para vedar os blocos de LEGO dentro das caixas em breve serão substituídas, e mais de 15 protótipos já estão sendo testados pela marca.

 

O CEO da empresa, Niels B. Christiansen, declarou que a família por trás dos brinquedos mais conhecidos do mundo está empenhada em substituir o material que, desde 1934, está presente nas casas de família ao redor de todo o mundo e compartilhou um comunicado para a imprensa comentando a novidade: “Nós recebemos muitas cartas de crianças preocupadas com o meio ambiente, nos pedindo para abandonar o uso de plástico descartável em nossos processos. Nós estivemos explorando algumas alternativas já há algum tempo, e a paixão e as ideias dessas crianças nos inspiraram para começar a efetivamente mudar”, comentou Christiansen.

 

De acordo com Christiansen, o plano é que todas as linhas de Lego sejam fabricadas com materiais sustentáveis até 2025, e compostos à base de cana-de-açúcar são os favoritos para assumir o papel. Atualmente, a empresa já fabrica conjuntos feitos à base de plantas, mas o material não parece pronto para ser produzido em grande escala. Ainda segundo o CEO, é cedo demais para prever se a mudança impactará nas margens de lucro da companhia e se isso acabaria significando um aumento nos preços para os consumidores.

 

Segundo o Design Taxi, agora a empresa utilizará um processo que acelera a sustentabilidade e as iniciativas de responsabilidade social. Ainda não há detalhes sobre como será a composição ou a aparência das novas embalagens utilizadas pela LEGO, porém ideia é fazer com que todas as embalagens da empresa sejam sustentáveis até 2025. A empresa, porém, sabe que ainda possui um longo caminho a percorrer para alcançar esse objetivo.

 

As mudanças serão graduais, e envolverão muitos testes que levarão em conta um equilíbrio entre manter-se sustentável sem tornar todo o processo de armazenamento e transporte dos produtos excessivamente caro para a companhia. A empresa confirma também que 15 protótipos já foram apresentados e testados para diferentes crianças e seus pais, para que estes comentassem sobre a facilidade de manipulação e abertura dessas novas embalagens sustentáveis.

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp